JAIC 2005, Volume 44, Number 2, Article 4 (pp. 103 to 116)
JAIC online
Journal of the American Institute for Conservation
JAIC 2005, Volume 44, Number 2, Article 4 (pp. 103 to 116)

PLUTARCH'S REPORT ON THE BLUE PATINA OF BRONZE STATUES AT DELPHI: A SCIENTIFIC EXPLANATION

WALTER A. FRANKE, & MAGDA MIRCEA


Relatório de Plutarco Sobre Pátina Azulem Estátuas de Bronze em Delphi: Uma Explica Ção Científica. RESUMO—Plutarco relatou que o Spartan Monument (Monumento Espartano) de Delphi foi coberto com uma incomum e brilhante pátina azul, devido às peculiaridades do ar dentro do santuário. Este grupo de estátuas de bronze, na verdade, desapareceu. A última escultura de bronze reminiscente de Delphi, o Charioteer (o Cocheiro), apresentava, enterrada, uma aparência azulada semelhante, a qual, depois de séculos de exposição em ambiente fechado, tornou-se verde. No exame visual, o torso inferior ainda preserva a coloração azul. Conservadores profis-sionais ainda não publicaram nenhum estudo sobre a pátina do Charioteer (o Cocheiro). Este artigo integra um novo estudo das fontes da literatura clássica com o conhecimento das ciências naturais a fim de encontrar uma explicação química para a pátina azul, bem como as circunstâncias sob as quais ela pode ter-se formado em Delphi nos tempos antigos. Os autores sugerem que a localização do santuário de Delphi sobre duas falhas ativas, as quais geravam uma camada de pedras calcárias, favoreceram a formação de azurita na super-fície das estátuas de bronze enterradas, através das elevadas concentrações de carbonato de cálcio hidro-genado (por exemplo, o Charioteer—o Cocheiro), bem como, num ambiente aberto, sob condições pecu-liares (por exemplo, o Spartan Monument— Monumento Espartano).
[English Abstract] [French Abstract]

Article Sections:

1. INTRODUCTION
2. BACKGROUND RESEARCH
3. ATMOSPHERIC AND ENVIRONMENTAL CONDITIONS AT DELPHI
4. THE BLUE COPPER COMPOUNDS OF PATINA
5. CONDITIONS FOR THE FORMATION OF AZURITE
6. DISCUSSION
7. CONCLUSION
a: Notes , References , Author Information
Entire Article

Copyright © 2005 American Institution for Conservation of Historic & Artistic Works